UNIFESP ocupada

IMG0025B

Imagem | Esse post foi publicado em a revisar. Bookmark o link permanente.

22 respostas para UNIFESP ocupada

  1. Ômega disse:

    A vadiagem tá com os dias contados!!!

    • alfabetogrego disse:

      Quer dizer então que vocês vão deixar de postar babozeiras em anonimo e vão vir pro campus lutar tbm? Que legal! Super apoio!

  2. Alpha disse:

    O comando de greve perdeu literalmente a moral… virou uma reles Gangue.

  3. onde está o resultado? disse:

    Já que vocês foderam praticamente com o semestre de todo mundo,que tal ficar acampados aí o resto do semestre.

  4. Alpha disse:

    Estou vindo de lá… o Marcos Cezar subiu no ônibus para informar o que estava acontecendo. Os alunos tomaram a diretoria e fizeram barricadas na entrada da secretaria, o diretor disse que estão esperando o oficial de justiça ir até lá notificá-los de que terão de se retirar, caso recusem… aí já sabem

    • Dan disse:

      como assim Alpha? explica melhor
      queremos notícias imparciais

      • Alpha disse:

        Eu fui pelo Itaquerão, quando o ônibus chegou na faculdade, havia alguns alunos olhando para a gente dentro do ônibus e praticamente todos os professores que estavam no campus também ficaram lá na portaria. Daí o diretor entrou no ônibus e explicou a situação, disse que houve a ocupação da diretoria acadêmica e o pró-reitor da PRAE iria ficar lá até 18h (se não me engano, era para tentar negociar uma saída deles de lá), como isso não ocorreu, a Unifesp acionou judicialmente (deve ter feito isso mais cedo) a procuradoria da república, que protocou o pedido de desocupação no fórum de guarulhos, daí o diretor disse que era possível que ainda naquela noite o oficial de justiça apareceria lá para notificar os ocupantes de que tinham de sair dali.

        Depois que descemos do ônibus, fui dar uma volta pelo campus para ver como estava, o que vi foi a secretaria de alunos totalmente bloqueada por cadeiras amontoadas e na diretoria acadêmica os grevistas estavam ouvindo som e conversando, havia alguns alunos andando pelo campus mas o movimento era bem baixo, eu voltei para a portaria e vi que alguns professores conversavam e, passado um tempo, começaram a ir embora porque nada tinha mais a fazer ali. Pelo que vi, os servidores provavelmente também foram dispensados, bem como os terceirizados, pois não vi ninguém lá. A Cantina estava fechada, mas havia funcionário. Andei perto da área ocupada porque uma pessoa me interessava ali, o Sr. Juraci. Mas pelo menos no tempo em que fiquei ali eu não o vi.

        Na quinta-feira também dei uma passada no campus para acompanhar a reunião entre o pró-reitor da PRAE e o comando de greve, como peguei a discussão caminhando, deu para notar que o movimento da greve está bastante desgastado, inclusive, uma das integrantes disse que dificilmente conseguirão sustentar essa greve na próxima assembleia porque há dissidentes dentro do próprio comando. Pois bem, eu saí de lá e fui até a reunião da Congregação, mas como o acesso era restrito, infelizmente não deu para participar. Então voltei pra casa por volta de umas 19h45, já tendo o conhecimento da carta em que o Juraci me coloca como “líder antigrevista” e quando acesso o email de grupo do yahoo (por volta de 23h), tomo conhecimento de uma tentativa de invasão à diretoria acadêmica… bom, é o seguinte… na reunião de quinta o Juraci, bem como o Bruno Capivara não participaram dela, mas estavam presente no campus, eles só entraram no final para conversar com alunos, mas foi conversa de corredor, praticamente. O que presenciei foi isso.

      • Alpha disse:

        O que se passou na quinta à noite o Marcelo postou no blog um vídeo que mostra isso, aí dá para ter uma ideia melhor. Sugiro que você, assim como qualquer estudante, assista.

      • Dan disse:

        Então Alpha, em 2008 fizeram do mesmo modo. Ocuparam a reitoria na calada da noite sem avisar ninguém, combinaram entre eles. Agora entedemos o porquê de não ter assembléia essa semana.
        Está na cara que eles já planejavam isso e com seu relato vejo que o Senhor Juraci e o Capivara estavam vigiando até o diretor ir embora pra ocupar.

      • Dan disse:

        Outra coisa… por que esse vídeo não foi postado neste blog? Eles sempre postam as manifestações deles.

      • Alpha disse:

        Por que será? rsrsrs
        Menino… estou aqui na minha curiosidade para saber se o Juraci está lá no campus, caso ele esteja, será que ele está vestindo ceroulas? rsrsrs

      • Dan disse:

        hauhauahaa

        Juraci, dá um oi pra gente do campus… queremos saber se vc está ai e o que veste rsrsrs

  5. marcelo disse:

    A invasão que a “Globo” novamente omitiu. Avalie os métodos do movimento: http://fimdagrevenaunifespguarulhos.blogspot.com.br/2012/05/rumos-da-greve-ocupacao-ou-invasao-da.html

  6. Jeferson disse:

    Desde o início já sabia que essa greve iria só prejudicar os alunos:

    1 – Reposição de aulas (eu recebi por e – mail da UNIFESP uns cenários de reposição simplesmente absurdos em todos os sentidos).
    2 – Reinvidicações não atendidas (também, é lógico que algumas delas eram ilusórias como a redução na tarifa de ônibus para o campus)
    3 – Ocupação infantil da diretoria (porque quem faz isso, no mínimo, não tem maturidade).
    4 – Discriminação dos grevistas para com aqueles que não aderiram à greve (Neste blog sendo chamados perjorativamente de ‘antis-greve’).

    Quando eu falei lá em março que os alunos seriam os maiores prejudicados nesta greve, me chamaram de louco por achar isso. Enfim, os fatos mostram por si só.

    • Alpha disse:

      Espero que dia 10 a ordem seja reestabelecida pelos estudantes na Assembleia

      • Jeferson disse:

        Colocarão neste blog da seguinte maneira:
        – No dia 10/05 foi deliberado em Assembléia geral pela maioria dos alunos (lê – se ‘maioria’ como 10 grevistas) que a greve continuará por tempo indeterminado.

      • Alpha disse:

        Segundo o que presenciei na reunião da quinta, o próprio comando de greve admitiu na frente do pró-reitor que não conseguiria segurar a greve por causa do descontentamento geral dos alunos, por isso queriam urgentemente falar com o reitor.

      • Alpha disse:

        E acrescento: a urgência em falar com o reitor não é sobre prédio ou qualquer coisa que diga respeito ao discente do campus em seu modo mais amplo, mas sim sobre o receio das consequências dessas ações deliberadas por um grupo que se esconde atrás do nome “estudantes do campus” para praticar vandalismo.

      • Jeferson disse:

        E ainda há pessoas que ficam postando fotos sorrindo em frente aos cartazes da greve (inclusive há algumas da minha sala) e não sabem o quanto podem ser prejudicadas se descobertas.

      • Alpha disse:

        ahahaha Muito provavelmente nós somos do mesmo curso, quem sabe até da mesma turma

  7. Renata Damasceno - pedagogia disse:

    UM SEMESTRE PERDIDO EM TROCA DE NADA! Puta que pariu!

    O ministério publico tem que condenar cada um deles por seus crimes! Agora vão ter que segurar a bronca! Será que o papai vai conseguir livrar a cara deles! Kkkkkkkkkkkkk

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s