Nota sobre as cartas publicadas no blog

Vimos por meio de nota mais uma vez esclarecer a forma como tem sido publicada as cartas nesse blog.

Algumas pessoas tem levantado questões via comentários sobre algumas cartas em especial (como o manifesto Contraponto, a frente 5 de maio, ou a carta aberta não importa o ponto), requisitando que as pessoas que as escreveram assinem com seu nome após o texto. Dentro disso vimos esclarecer os critérios para publicarmos uma carta no blog.

Ressaltamos mais uma vez que é uma posição da comissão publicar todos os textos enviados ao e-mail e que o que difere um artigo pessoal a ser publicado no espaço de debate de uma carta aberta aos estudantes é justamente seu carater de construção coletiva. E como construção coletiva, as cartas enviadas para a comissão são publicadas no blog principal para acesso de todos os alunos.

Em relação a necessidade de identificação dos integrantes que escreveram o texto, defendemos que o coletivo se identifica por si só. Não há a necessidade de expor nomes, a não ser que essa seja uma iniciativa do próprio coletivo.  Portanto, esse não é um requisito para publicação de um texto.  E isso vale para a seção cartas e o espaço de debates dos estudantes.

Por fim, frisamos mais uma vez que é uma posição da comissão defender a livre-expressão e o espaço aberto para debate entre os estudantes e que toda discordância a qualquer artigo aqui publicado deve ser expressa via comentários ou pedidos de direito de resposta no e-mail da greve.

Esse post foi publicado em Informes e marcado . Guardar link permanente.

5 respostas para Nota sobre as cartas publicadas no blog

  1. Megan disse:

    “Se você tem algo a dizer, seja corajoso o suficiente para colocar seu nome e sua cara junto a isso” – Kõiv, Kerli.

  2. DOAR SANGUE PARA A POPULAÇÃO E POR UMA UNIVERSIDADE PÚBLICA, GRATUITA, UNIVERSAL E DE BOA QUALIDADE!

    Audiência Pública!
    Dia 21/05/2012 – 19h00min

    Reitoria e MEC, como autoridades públicas, façam a sua parte e compareçam na ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE SÃO PAULO!

    Não venham com a DESCULPA de que é “BRIGA POLÍTICA POR CAUSA DAS ELEIÇÕES MUNICIPAIS”.

    Essta LUTA É PÚBLICA E A ALESP É UM FÓRUM LEGÍTIMO DE MANIFESTAÇÕES PÚBLICAS (até porque o Reiror não vai a Guarulhos por se sentir ameaçado!!!!) e se alguém FIZER PALANQUE, caso tentem, também serão DENUNCIADOS pelas DIVERSAS CORRENTES QUE COMPÕE O MOVIMENTO ESTUDANTIL! .

    Excelente OPORTUNIDADE de ESCLARECER se a PRECARIZAÇÃO DO CAMPUS UNIFESP GUARULHOS é problema do MEC, da Retoria ou da Diretôria Acadêmica e parte da CONGREGAÇÃO que com as VÁRIAS MANOBRAS DENUNCIADAS, tentam a todo custo CRIMINALIZAR O MOVIMENTO GREVISTA EM GUARULHOS!

    Coletivo Filosofia da Práxis!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s