USP: CAMPANHA CONTRA A REPRESSÃO

Lutar não é crime!

Pelo fim dos processos, tanto na USP, quanto na UNIFESP, quanto em
qualquer outra Universidade! Abaixo a perseguição política!

Esse post foi publicado em Notícias e marcado , . Guardar link permanente.

Uma resposta para USP: CAMPANHA CONTRA A REPRESSÃO

  1. ESTUDANTES DO CAMPUS GUARULHOS-PIMENTAS!

    ABAIXO O ITAQUEIRÃO-CAMBURÃO!
    QUEM NÃO PULA É REITORIA!
    A LUTA CONTINUA!

    Fato 01 – Dia 22 de março de 2012 os ESTUDANTES da UNIFESP CAMPUS GUARULHOS-PIMENTAS aprovaram a GREVE UNIFESP 2012.

    Fato 02 – Também em 2012 os DOCENTES, após construção da paralização de 07 dias e da convocação da ADUNIFESP, aprovaram a GREVE NA UNIFESP 2012.

    Fato 03 – Os TÉCNICOS que fizeram GREVE em 2011 estão discutindo o quadro nacional, se mobilizando e devem definir em assembléia uma posição quanto à greve geral convocada pelo sindicado da categoria.

    Fato 04 – VÁRIAS UNIVERSIDADES PÚBLICAS articularam o ATO UNIFICADO dia 12 de junho de 2012 – em frente BOLSA DE VALORES/SP.

    Fato 05 – DIA 14 DE JUNHO DE 2012 – 15 horas – convocada a assembléia geral dos estudantes da UNIFESP “II INTERCAMPI” no CAMPUS GUARULHOS-PIMENTAS!

    Fato 06 – Há mais de 30 anos não ocorria uma mobilização nas universidades brasileiras com a intensidade atual, envolvendo DOCENTES, ESTUDANTES E TÉCNICOS.

    Fato 06 – O CAPITALISMO ENFRENTA UMA DAS SUAS MAIORES CRISES e, isto se reflete na SOCIEDADE: VEJAM O AGITO DOS PRÁTICO-UTILITÁRIOS E OUTRAS CORRENTES PRECONCEITUOSAS, MACHISTAS, FUNDAMENTALISTAS, PORCO-CHAUVINISTAS e vai por aí!

    Fato 07 – OS ESTUDANTES, DOCENTES E TÉCNICOS DAS UNIVERSIDADES PÚBLICAS BRASILEIRAS ESTÃO FAZENDO HISTÓRIA. Não fique de fora!

    II INTERCAMPI

    Fazer a assembléia no Campus Guarulhos é de uma importância estratégica fundamental, uma vez que a VIOLÊNCIA contra os ESTUDANTES que estão na FRENTE DA LUTA, seguindo as determinações das assembléias gerais, inclusive da OCUPAÇÃO recente, é a META DOS BUROCRATAS, ESCOLÁSTICOS E ALPHACETES e não é exclusiva em Guarulhos.

    A “CARÍSSIMA BUROCRACIA FRATERNAL” não consegue mais IMPOR O CANTO DA SEREIA DO REUNI, dada a própria PRECARIZAÇÃO, mola propulsora das seguidas aprovações de continuidade da greve e ocupação do Campus Pimentas.

    Diante deste quadro concreto não restam mais alternativa para a BUROCRACIA senão ISOLAR E EM SEGUIDA ELIMINAR OS ESTUDANTES MOBILIZADOS NO COMANDO DE GREVE E OCUPAÇÃO com as mais diversas táticas e jogos: terrorismo academicista, manobras, infiltração de informantes, isolamento, divisionismo, contra-informação – enfim, tentaram de tudo para isolar o MOVIMENTO GREVISTA E DE OCUPAÇÃO – SEM SUCESSO!

    O BARATO É LOUCO E O PROCESSO É LENTO!

    O processo de greve e ocupação desde 2007 em resposta às sucessivas crises na UNIFESP amadureceu o MOVIMENTO ESTUDANTIL e uma a uma destas táticas foram sendo desmontadas.

    TROPA DE CHOQUE NELES!

    Bateu o desespero “eliminacionista”: ENVIARAM A TROPA DE CHOQUE DA POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO E A POLÍCIA FEDERAL.

    Depois dos processos na JUSTIÇA FEDERAL e o INDICIAMENTO NA POLÍCIA FEDERAL por uma suposta desobediência, restam as MANOBRAS PARA EXPULSÃO DO “MAL” QUE CONTAMINA O CAMPUS DA BUROCRACIA, higienizado logo após a retirada violenta dos estudantes que ocupavam o Campus.

    MORALISTAS OPORTUNISTAS!

    Sim, é desta forma que esta burocracia encara a luta dos ESTUDANTES: A LUTA DO BEM CONTRA O MAL!

    Só que DANÇARAM uma vez que o processo deixou escancarado: NÃO SE TRATA DA LUTA DO BEM CONTRA O MAL. A GREVE NACIONAL DAS UNIVERSIDADES PÚBLICAS FEDERAIS demonstra claramente e, foram DESMASCARADOS!

    PAUTA UNIFICADA!

    Trata-se de uma luta concreta geral e que não deve ser diferente do nosso Campus, baseada no tripé constante na PAUTA APROVADA POR TODOS OS CURSOS – História, História da Arte, Ciências Sociais, Letras, Pedagogia e Filosofia:

    1. FIM DA CRIMINALIZAÇÃO DOS 48 ESTUDANTES DE 2008 E 46 ESTUDANTES DE 2012.
    2. DEMOCRATIZAÇÃO DA ESTRUTURA DE PODER DA UNIFESP.
    3. FIM DA PRECARIZAÇÃO DA UNIFESP.

    ROMPER COM O IMOBILISMO PRÁTICO-UTILITÁRIO!

    Não basta colar cartazes ou ficar repetindo que nem “papagaio”: “A GREVE NÃO É O ÚNICO INSTRUMENTO DE LUTA”.

    Temos de participar e a GREVE DEMONSTROU SER O ÚNICO INSTRUMENTO DE LUTA, CLARO, ALÉM DA OCUPAÇÃO QUE DEU DOR DE CABEÇA E REVELOU O AMAGO DESTES BUROCRATAS OPORTUNISTAS!

    Estudantes, nem sempre fazemos parte da HISTÓRIA (dado o nosso PRATICISMO-UTILITÁRIO) e estamos DIANTE DE UMA EXEMPLAR OPORTUNIDADE DE FAZER HISTÓRIA.

    ESTUDANTE – façam uma reflexão e busque seu JUIZO DE VALOR!

    Precisamos que neste momento DIVISOR DE ÁGUA compareçam o maior número de ESTUDANTES no CAMPUS GUARULHOS-PIMENTAS e a BANDEIRA de luta é clara e contundente:

    -POR UMA UNIVERSIDADE PÚBLICA, GRATUITA, UNIVERSAL E DE QUALIDADE!

    -ABAIXO A REPRESSÃO ACADEMICISTA-ESCOLÁSTICA-BUROCRÁTICA-ALPHACÉTICA!

    -ABAIXO O ITAQUEIRÃO-CAMBURÃO DA PM E POLÍCIA FEDERAL!

    Até a VITÓRIA.

    COLETIVO “FILOSOFIA DA PRÁXIS”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s